Busca por palavras chave:
 
  terça-feira, 30 de maio de 2017  
Home
Eleitos PT-ES - Eleições 2016
PED 2017
Vídeos PT
História
PT Estadual
Notícias
Artigos
Secretarias
Setoriais
Documentos
Galeria de Fotos
Diretórios municipais
Links importantes




 Vitória em tempo de crise

Em tempos de crise, lucidez e responsabilidade são virtudes insubstituíveis. E foi com base nessas virtudes que a administração municipal de Vitória enfrentou as limitações impostas pela crise econômica mundial ao longo de todo o ano de 2009. No lugar do pessimismo alarmado com que alguns olharam para o futuro, seguimos aqui a orientação política do presidente Lula e rejeitamos a cartilha tradicional para os momentos de insegurança econômica: em vez de recorrer a demissões, paralisação de obras e suspensão de contratos, escolhemos o caminho do aperfeiçoamento gerencial, da revisão de metas e da negociação. E os resultados foram excelentes. Mesmo com arrecadação menor, conseguimos manter os investimentos em infraestrutura, a qualidade dos serviços públicos e, ainda que indiretamente, o nível de emprego na cidade. Com um detalhe importante e que faz toda a diferença: apesar da queda nos repasses federais e estaduais, destinamos cerca de 54% do orçamento municipal a programas, projetos e ações na área social.

É certo que, em vários casos, fomos obrigados a reduzir o ritmo que vinha sendo adotado em nosso programa de obras. Mas, considerando as dificuldades enfrentadas e o tempo que tivemos para traçar novas estratégias, chegam a ser surpreendentes os números com os quais fechamos nosso balanço do ano. Em 2009, investimos mais de R$ 170 milhões em obras e projetos, o que significou aumento de 4,2% em relação ao ano anterior. E não houve mágica nesse crescimento. O que houve foi um esforço concentrado de toda a equipe da Prefeitura no controle do custeio e na busca de alternativas para aumentar a receita própria, sem criar novos impostos. Firmamos, assim, a base que nos permitiu manter nosso programa de investimentos, debatido e aprovado nas reuniões e assembléias do Orçamento Participativo. E, mesmo controlando com rigor o crescimento da folha de pessoal, ainda conseguimos garantir remuneração digna para os servidores.

Os resultados do esforço fiscal e administrativo realizado em 2009, com a participação ativa de toda a sociedade, mereceram destaque nacional e levaram Vitória a conquistar títulos importantes. Graças à agilidade no processo de abertura de empresas, fomos destacados como a capital mais empreendedora do país pela Fundação Getúlio Vargas. E pesquisa da revista Placar dos Municípios indicou Vitória como a cidade brasileira onde é mais rápido e fácil abrir uma empresa. Fomos a primeira capital a regulamentar a Lei Geral das Micro e Pequenas Empresas, e aumentamos as compras públicas junto a microempreendedores. Só em suprimentos, passamos de R$ 100 mil, em 2008, para R$ 10 milhões, em 2009.

Hoje, trabalhamos com outro cenário, também desafiador, mas muito mais otimista. Nossa meta é investir R$ 200 milhões em 2010. É um ideal possível, principalmente se considerarmos as parcerias com os governos federal e estadual, mas estamos buscando também novos financiamentos junto a instituições nacionais e internacionais. O objetivo é concluir obras fundamentais que estão em andamento, como o novo Parque Tancredão, a reurbanização de Camburi, a estação de bombeamento da Cândido Portinari, os sistemas de drenagem dos bairros República, Morada de Camburi e Mata da Praia e o saneamento básico das regiões da grande Santo Antônio e grande São Pedro, entre vários outros projetos importantes para o desenvolvimento urbano e a qualidade de vida na capital.

Em tempos de crise, é dever do homem público somar ideias, esforços e recursos para superar mais cedo e com o menor custo social possível as dificuldades do momento. Foi o que fizemos em Vitória. Assim, atravessamos esse tempo de turbulência. E assim, seguiremos em frente, na busca de recursos e condições para executar outros grandes projetos, como a reforma, alargamento e ampliação do cais comercial do Porto de Vitória e a implantação do superporto, a construção do Centro de Eventos e a implantação do Portal Sul. Projetos que vão beneficiar não só a cidade de Vitória, mas também a Região Metropolitana e todo o Espírito Santo.

Se conseguimos reunir recursos, energia e competência para superar a crise e sair dela com ganhos efetivos para a sociedade, temos agora o compromisso de dar um passo à frente. Para isso, precisamos continuar contando com imaginação, visão abrangente e sem preconceitos, desprendimento, solidariedade e coordenação de esforços. Pois só assim poderemos avançar na construção de uma cidade mais moderna, próspera, solidária e pacífica. Uma cidade de todos e ainda melhor para todos.

João Coser
Prefeito de Vitória

Home Voltar Versão para Impressão Divulgar

  PT ESPÍRITO SANTO: Rua Graciano Neves,386 - Centro - Vitória/ES CEP: 29015-330 - Tel: (27) 3223-3455
  Copyright © 2009